facebooktwitter

Sebrae volta ao IMREA Lapa para mais palestras sobre empreendedorismo

Devido ao sucesso do projeto sobre empreendedorismo no IMREA, fruto da parceria entre o SEBRAE de São Paulo e o Serviço de Reabilitação Profissional do IMREA, a unidade Lapa recebeu, nesta semana, mais uma rodada de palestras temáticas voltadas à capacitação profissional.

Sob os temas "Ganhe mercado", "Fluxo de caixa", "Começar bem", as palestras voltaram a ter um público expressivo, comprovando o interesse das pessoas com ou sem deficiência em se profissionalizar e gerar renda própria. A iniciativa oferece aos participantes oportunidade de valorizar o empreendedorismo como forma de uma nova possibilidade de aquisição de fontes de renda e dá instruções para que entendam melhor a prática do dia a dia em gerir o próprio negócio.

"Utilizar os conhecimentos adquiridos no IMREA de maneira empreendedora para obtenção de ganhos pessoais e financeiros é sem dúvida uma grande oportunidade para nossos pacientes e alunos das oficinas profissionalizantes", declarou Maria Helena Delanasi Guedes, coordenadora do Serviço de Reabilitação Profissional do IMREA, ao reforçar a importância da parceria.

“O SEBRAE faz parcerias com várias entidades e com pessoas que desejam empreender. O objetivo é trazer essa orientação para fazer de um sonho algo rentável. Ajudamos os participantes a pensarem em possibilidades futuras de como fazer uma fonte de renda para que não dependam unicamente de benefícios assistenciais”, comenta Liliana Francisco da Silva, analista de negócios do SEBRAE e facilitadora das oficinas.

Outra ação desta parceria foi a vinda da Unidade Móvel do SEBRAE até o IMREA Lapa. A Unidade Móvel funciona como uma extensão dos escritórios do SEBRAE e estará no IMREA Lapa até 2 de julho, esclarecendo dúvidas sobre o próprio negócio. “Fazer atendimento a microempresas e pessoas com vontade em formalizar um novo negócio bem como orientá-las e esclarecer as possíveis dúvidas é a missão da Unidade Móvel”, contou Thiago Luiz Hilário, analista de negócios do SEBRAE e responsável pelos atendimentos da Unidade Móvel.

O projeto encerra no dia 8 de julho, com a entrega dos certificados aos participantes das oficinas sobre empreendedorismo.